Weby shortcut
4884

Assexual : Porque sexo não move todos os mundos

Atualizado em 19/05/15 10:44.

 Há pessoas que não sentem atração por nenhum dos gêneros 

Por: Wygner Inácio

Assexual

Bandeira símbolo do movimento Assexual

 

Assexual é uma característica atribuída a pessoas que não têm orientação sexual. E elas não sentem desejo ou atração por nenhum dos gêneros. Nesses indivíduos também há a falta de afeto romântico. A principal comunidade brasileira que discute essa temática, a A2 Assexual, diz que o conceito da assexualidade se aplica às pessoas que não têm interesse na prática sexual com outra pessoa.

 

Segundo Anthony Bogaert, autor do livro “Entendendo a assexualidade”, cerca de um por cento da população mundial simplesmente não sente atração sexual. Ele acredita que o excesso do sexo promovido pela sociedade moderna nos últimos anos despertou, em alguns, o total desinteresse físico, mas, apesar disso, pra ele, esse grupo sempre existiu.

 

É importante desassociar a assexualidade do transtorno do desejo hipoativo, pois este é um problema psicológico com várias causas possíveis. Assexualidade ainda não possui conceito cientificamente comprovado, mas recentes pesquisas têm mostrado que pessoas que se identificam como assexuais não possuem sinais patológicos.

 

Muitas religiões acreditam que a pessoa assexual está em uma condição espiritual superior. Alguns creem que a falta de “desejo” permite a ela sentir uma espiritualidade mais profunda. Esta opinião foi construída porque muitos padres católicos, monges e freiras eram assexuais por não se relacionarem afetivamente por seguir o celibato.

 

Uma das principais comunidade online de assexuais, a Asexual and Education Network, distingui algumas classificações de A a D : um assexual do tipo A tem direção sexual, mas sem atração romântica; o tipo B tem atração romântica mas não tem direção sexual; o do tipo C tem ambos; e o tipo D nenhum.

 

Afirma o estudante L. F, “ Até hoje só me relacionei com mulheres, e na maioria das vezes não me dei certo nos relacionamentos. Na verdade, não tinha nenhuma atração, ficava apenas por pressão da família pois já passava dos 17 anos. Eu nunca tinha levado uma namorada em minha casa. Homem também não me interessa, não sinto nenhuma atração, me sinto bem sozinho, já passo dos 20 e sou feliz assim. Me considero assexual”.  

Listar Todas Voltar