Weby shortcut 1a5a9004da81162f034eff2fc7a06c396dfddb022021fd13958735cc25a4882f
4884

Goiânia recebe 70 ônibus com baixa emissão de poluentes

Atualizado em 05/05/15 10:09.

Mardem Costa Jr.

 

Novo onibus RMTC

A nova frota irá colaborar na redução das emissões de gases tóxicos ao meio ambiente

(Foto: Imprensa RMTC)

 

Uma novidade pode ser percebida nas ruas de Goiânia desde o último dia 4 de maio. Depois de um longo período sem renovação de frota, a Rede Metropolitana de Transportes Coletivos (RMTC) adquiriu 70 novos ônibus. A nova frota vai substituir os veículos adquiridos em 2006, na primeira substituição feita na gestão de Iris Rezende (PMDB).

Serão beneficiando usuários dos 130 linhas da área Sul da RMTC. Além de Goiânia, os novos ônibus circularão em Aparecida de Goiânia, Aragoiânia, Hidrolândia e Nova Fátima. Na capital, os veículos estão sendo utilizados em corredores preferenciais, como o da T-63, e em linhas de ligação entre terminais, como a 028.

A principal vantagem dos novos veículos é contar com uma motorização que permita a utilização do diesel combustível com o aditivo Arla 32, agente líquido redutor de emissões de óxidos de nitrogênio. O componente permite a redução de até 80% das emissões de poluentes e está regulamentado pela Resolução 403, emitida pelo Conselho Nacional do Meio Ambiente (Conama).

Os ônibus foram fabricados pela Mercedes Benz (chassis OF1721) e Caio (carroceria APACHE VIP-SC IV).  Segundo a diretora executiva da HP Transportes, Indiara Ferreira, a renovação da frota é um passo importante para a melhoria do serviço prestado à população. “A aquisição representa um desafio para a HP, mas é também um motivo de grande satisfação e alegria por sabermos dos benefícios tragos aos clientes e à sociedade como um todo”, pontuou.

 

SEGURANÇA

A segurança também foi contemplada, com a instalação de quatro câmeras de monitoramento em cada um dos veículos. A transmissão de imagens é feita em tempo real ao Centro de Segurança de Transportes da RMTC e Centro Integrado de Inteligência, Comando e Controle da Secretaria de Segurança Pública de Goiás (SSP-GO). Atualmente uma parcela da frota conta com o monitoramento, porém muito pequena diante da necessidade.

A ideia é que, paulatinamente, com a substituição de frota, todos os novos ônibus contem com o sistema de monitoramento, que ajuda a reduzir a incidências de roubos nos veículos do transporte coletivo e a identificar criminosos. A questão segurança, aliás, é uma reclamação constante da população. O estudante Gustavo Paulo testemunhou um assalto no ponto de ônibus e reclama a falta de claridade e a insegurança, especialemente no período noturno. "Ficamos à mercê da bandidagem", comentou. 

Listar Todas Voltar