Weby shortcut
4884

Uma solução para a água

Atualizado em 28/04/15 09:32.

Em seminário, ministra do Meio Ambiente destaca a importância da normatização do uso de água

Por Fernanda Garcia

Ministra do Meio Ambiente em seminário sobre escassez da água

Fonte: Portal MMA

Na última quinta-feira, 23, a questão do consumo de água foi pauta importante no Seminário Internacional Gestão da Água em Situações de Escassez, que aconteceu em São Paulo. A ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, trouxe à tona para a discussão uma de suas pastas, defendendo o incentivo da reutilização da água a partir de uma ação regulamentadora.

De acordo com a ministra, uma das soluções para reduzir o desperdício dos recursos hídricos e, assim, traçar soluções para a situação de escassez de água, seria a criação de uma legislação para a utilização da água de reuso, ou seja, não descartar, por exemplo, a água oriunda do esgoto depois de tratado. Izabella Teixeira afirmou que ainda não está claro se essa regulamentação se concretizaria por meio de lei ou decreto.

O seminário foi organizado pelo Ministério do Meio Ambiente e reuniu especialistas de vários países para comentar sobre experiências na luta contra os impactos provocados pela estiagem. Estiveram presentes representantes de países como China, Austrália e Espanha, que apresentaram projetos que podem auxiliar o Brasil a enfrentar o problema.

Crise

Muitos municípios das regiões Nordeste e Sudeste do país estão em estado de calamidade devido à falta de água. Segundo a ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, “temos uma situação de escassez que não se via no Sudeste desde 1953. Mas está chovendo. Então temos que esperar para ver se a situação melhora. Porém, enquanto isso, temos que poupar e ser eficientes”.

A obrigatoriedade da utilização da água de reúso em obras e serviços públicos seria uma da das políticas para controlar a crise da escassez. Em São Paulo, o prefeito Fernando Haddad já sancionou essa lei. O projeto, aprovado em março, prevê que a prefeitura reaproveite a água em serviços como lavagem de ruas e fachadas, limpeza de galerias e de equipamentos da coleta de lixo.

Fonte: FIC

Listar Todas Voltar