Weby shortcut
4884

Estudantes protestam pelo atraso do auxílio alimentação

Alunos da Universidade Federal de Goiás querem melhores condições de moradia e alimentação.

Arícia Leão

 

Estudantes da UFG que moram na Casa do Estudante Universitário realizaram um protesto nesta terça-feira na Avenida Universitária. Eles protestavam por melhores condições de moradia e também pelo atraso no auxílio alimentação dado pela universidade e pela falta de manutenção do prédio onde os estudantes moram.

O movimento foi planejado e convocado pelas redes sociaisPor aproximadamente quarenta minutos o trânsito foi bloqueado pelos estudantes. O serviço dos bombeiros foi acionado porque durante o protesto algumas pessoas incendiaram pneus e entulhos. Vários estudantes acabaram sendo levados para o 9º Distrito Policial, no setor Leste Universitário.

Os bolsistas explicam que pertencem a famílias carentes e necessitam que seus direitos de moradia, transporte e alimentação sejam assegurados pela universidade. A instituição informou em nota que a greve dos servidores atrapalhou o repasse de materiais e a prestação serviços e não conseguiu determinar um prazo para a resolução do problema.

Os protestantes declararam nas redes sociais que houve abuso de autoridade por parte da Polícia Militar e que a estudante presa por desacato e injúria racial foi verbal e fisicamente agredida pelos policiais. Declararam também que o caminhão dos bombeiros usou os jatos d'água contra os manifestantes. 

Fonte : FIC

Listar Todas Voltar