Weby shortcut
4884
Sarau cultural

Arte para quem quiser ver

Sarau Cultural dá oportunidade para artistas e artesãos anapolinos exporem seus talentos em praça pública

 

Giuliane Alves

O Projeto Itinerante Sarau Cultural – Salão de Arte e Artesanato de Anápolis e Região – é realizado duas vezes por ano na cidade de Anápolis. O objetivo é incentivar o artesanato e a cultura local, além de divulgar a identidade cultural dos anapolinos, contribuindo para o desenvolvimento desse setor.

O Sarau está na quinta edição e teve sua primeira mostra realizada em setembro de 2010, junto ao evento Portões Abertos da Base Aérea de Anápolis, que reúne milhares de pessoas para conhecer os aviões e o local. Na exposição, o trabalho das fiandeiras e a criatividade dos produtos atraíram os olhares do público. Assim, o presidente da Associação Comercial e Industrial de Anápolis (Acia), Wilson de Oliveira, idealizou o projeto e buscou parcerias para realizá-lo de forma autônoma.

A Federação das Associações Comerciais, Industriais e Agropecuárias do Estado de Goiás (Facieg) e os integrantes do Núcleo de Arte e Artesanato do Projeto Empreender do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae-GO) apoiaram o projeto. Em dezembro do mesmo ano, foi realizada a primeira edição do Sarau em praça pública, agora como um evento único.

Oportunidade

Segundo o presidente Wilson de Oliveira, a cidade está cheia de artistas, mas eles não têm espaço para mostrarem os seus talentos, por isso a necessidade de realizar um Sarau Cultural. “Anápolis precisava de um evento como este para incentivar a cultura”, afirma. Para Maria Aparecida Pereira da Cruz, o Sarau é uma grande oportunidade para divulgar os seus produtos. “Faço meus tapetes de crochê com muito mais prazer, pois sinto que eles são valorizados e ainda tenho uma renda extra”, declara.

Cada edição do Sarau é realizada em uma praça diferente da cidade. A intenção é que a população tenha acesso e possa conhecer o projeto. No local são montados estandes para a venda dos produtos artesanais, praça de alimentação e palco para apresentações culturais, como dança, teatro, música e comédia stand-up.

Reconhecimento

Estava passando pela praça quando escutei alguns cantores e vi a exposição de muitos produtos diferenciados, não sabia do que se tratava, mas achei interessante”, afirma a publicitária Maria Fernanda. De acordo com Wilson de Oliveira, o projeto ainda não é conhecido em toda a cidade, por isso a ideia é realizá-lo mensalmente para que se consolide no calendário dos anapolinos.

Tanto a população, quanto o público ficam satisfeitos de participarem de um evento como este. “Cantar no Sarau é uma experiência incrível, pois não há um público exato, passa todo tipo de pessoa no local”, afirma a cantora anapolina Mariana Fernandes. Luísa Ferreira, que apresentou dança do ventre, concorda com Mariana. “Nunca dancei para um público tão diverso. Isso é bom, porque mais pessoas conhecem o trabalho do grupo e a dança do ventre em si”, diz. A última edição do Sarau ocorreu em dezembro de 2012 e o próximo ainda não tem data marcada, mas os artistas e artesãos aguardam o evento para trazerem novidades.

 

Fonte : Facomb

Listar Todas Voltar